Marketing por dados: estabeleça e acompanhe métricas a todo tempo

A todo o tempo, todo mundo produz uma quantidade gigantesca de dados ao navegar na internet. Todos os anos a quantidade de informação produzida cresce em uma escala exponencial. E esses dados estão à disposição, prontos para serem analisados e usados.

Já há algum tempo as estratégias de marketing sofrem uma constante evolução. Se antigamente as empresas apostavam em táticas genéricas, sem levar em consideração seu público-alvo, hoje em dia acontece o que chamamos de marketing por dados.

Quando bem utilizadas, essas informações podem ser o diferencial entre o fracasso e o sucesso de campanhas de marketing. Para isso, é fundamental conhecer e saber utilizar as métricas e indicadores. Quer saber mais? Então confira nossas dicas no artigo de hoje!

O que são métricas e KPIs?

KPI é a sigla, em inglês, para “indicador-chave de desempenho”. São ferramentas que têm o objetivo de medir a eficiência de ações tomadas em uma empresa, baseando-se nos dados coletados. Com a quantidade crescente de informações produzidas, cresce também o universo de indicadores criados para analisá-las.

Já as métricas têm um significado mais simples. São, na verdade, algo a ser medido, analisado. Se o número de conversões originais pelas redes sociais é relevante para o seu negócio, nada impede que ele se torne um indicador valioso para as análises realizadas pelo seu setor de marketing.

Como escolher as métricas?

Levando em consideração o processo de evolução das métricas para indicadores-chave de desempenho, é fundamental entender que esse passo à frente ocorrerá de acordo com a relevância da métrica para sua análise. Para isso, é necessário que antes se tenha um objetivo claro em mente.

Um bom planejamento de marketing por dados sempre tem como primeira ação a definição dos objetivos da campanha. Se, por exemplo, a vontade é aumentar o alcance da empresa no acesso do blog pelo público, métricas que levem em conta o posicionamento nas ferramentas de pesquisa serão fundamentais para sua análise.

Mais importante do que a quantidade de métricas escolhidas é, justamente, a relevância delas. Dessa forma, uma boa métrica deve reunir algumas características essenciais:

Estar sempre disponível para mensuração

Pode parecer óbvio, mas a importância de uma métrica está ligada justamente à sua disponibilidade. É preciso ter uma base de dados gerados consistente, que forneça combustível para sua métrica.

Ser importante

Uma boa métrica informará a você de que maneira os objetivos estão sendo atingidos. Por isso, quanto melhor for sua métrica, mais importante será seu impacto nas análises dos resultados.

Ter relevância

Um dos maiores problemas na escolha de métricas é a opção vaidosa. Ou seja, em vez de selecionar aquelas que realmente mostram a situação das estratégias de marketing, escolhe-se indicadores irrelevantes, que apenas dão a falsa impressão de sucesso. Indicadores como o engajamento nas redes sociais, apesar de parecerem importantes, não mostram, de fato, o real impacto das campanhas.

Fornecer ajuda

Uma boa métrica não apenas apresenta dados e resultados importantes. Ela também deve ajudar na tomada de decisões da empresa, possibilitando a escolha por opções inteligentes. Devem ser guias para o melhor caminho a ser escolhido.

Ter periodicidade

Métricas relevantes e úteis precisam fornecer dados em intervalos de tempo pré-definidos. De nada adianta escolher um indicador relevante se só é possível analisá-lo de vez em quando. Métricas consistentes produzem dados periodicamente.

Quais os benefícios trazidos pelas métricas?

Em um mercado cada vez mais dinâmico, é fácil perceber que não existe um manual de instruções que garante o sucesso de uma empresa, mas sim ferramentas que auxiliam neste objetivo. E assim funcionam as métricas, oferecendo dados e inputs fundamentais que dão segurança para a tomada de decisões.

É importante salientar que sozinhas as métricas não têm o poder de mudar a situação de nenhuma empresa. Podemos considerá-las, na verdade, o combustível ideal para se alcançar os objetivos já determinados. Por isso, entre outras vantagens, as métricas:

  • trazem maior segurança para a tomada de decisões;
  • detectam a existência de oportunidades e estabelecem o investimento necessário para aproveitá-las;
  • ajudam na manutenção da produtividade das estratégias;
  • identificam os pontos fortes e as fraquezas apresentadas nas escolhas das estratégias e também no modo como são executadas;
  • fornecem um panorama sobre as necessidades de investimento;
  • apontam falhas nos processos, além de indicarem possíveis soluções;
  • fornecem uma imagem do futuro com maior segurança.

Com a utilização de métricas, é possível também conhecer melhor os clientes, analisando os dados e percebendo como eles reagem às estratégias adotadas pela sua empresa. Na realidade, o marketing por dados tem como principal premissa essa análise, que adapta as ações estratégicas em função da resposta do público.

Em relação ao desempenho online, as métricas permitem um melhor aproveitamento das ações voltadas ao seu acesso. Ou seja, se determinado conteúdo necessita de um maior engajamento, a análise das métricas permite escolher as ações mais adequadas para se atingir esse objetivo.

As métricas apresentam um melhor funcionamento se forem utilizadas em conjunto com outras ferramentas, como os testes a/b. Esse tipo de teste compara a funcionalidade de duas variáveis de marketing, comparando-as e verificando qual fornece as melhores respostas do público.

No ambiente digital, é possível aplicá-lo criando duas páginas semelhantes, com diferenças específicas e colhendo os dados das respostas dos usuários. Assim, com a aplicação das métricas, é possível verificar qual delas teve uma maior taxa de conversão e como isso ocorreu.

Dessa forma, tanto a criação quanto o aprimoramento de páginas-chave para sua estratégia de marketing são realizadas de maneira consciente, baseadas em dados e análises significativas para o seu negócio. Mais do que dados puros, você terá uma verdadeira base de indicadores de desempenho, responsável pela segurança na tomada de decisões da empresa.

As estratégias baseadas no marketing por dados podem fornecer informações valiosas para sua empresa. Por isso, devem ser tratadas com o maior cuidado possível. Existem hoje agências especializadas e qualificadas na geração de dados e utilização de métricas voltadas para o marketing digital.

Se você se interessou por esse assunto e pretende aplicar essas estratégias na sua empresa, não deixe de entrar em contato conosco e conhecer nossas soluções em marketing por dados!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *